Utilização do webQDA para análise de comentários da plataforma booking.com
Page 3

Utilização do webQDA para análise de comentários da plataforma booking.com

Conclusões

Este estudo coloca em evidência duas vertentes principais:

1) a simplicidade de organização e análise dos dados disponíveis no corpus latente quando associada a uma ferramenta de apoio à análise de dados qualitativos como o software webQDA;

2) a mais-valia da utilização de abordagens qualitativas no setor do turismo como complemento dos resultados quantitativos; neste caso específico, aplicados a unidades hoteleiras de cinco estrelas para análise do grau de satisfação dos clientes, com vista à eventual decisão e implementação de medidas corretivas.

As especificidades, a necessidade de dados atuais (com o maior grau de  mais detalhe possível) e a capacidade de reação ou intervenção rápida são fatores determinantes para o sucesso dos negócios que envolvem o contacto direto com clientes, neste caso turistas. Tratando-se de dados que são disponibilizados online, o seu impacto é imediato e pode influenciar positiva ou negativamente o negócio.

O exemplo apresentado realça que a utilização de ferramentas de análise de dados qualitativos pode ajudar os gestores hoteleiros a complementar as informações quantitativas obtidas pela avaliação dos hóspedes no alojamento (quanto a limpeza, localização, funcionários, conforto, comodidades, relação custo-benefício, Wi-Fi, pequeno-almoço, entre outros) que, em geral, somente servem para calcular a pontuação do alojamento numa escala de 0 a 10. Através da descrição do uso do software, é possível verificar, por exemplo, que o acesso a uma simples nuvem de palavras, obtida através da pesquisa de palavras mais frequentes, oferece aos gestores de hotéis uma visão imediata dos principais elementos que podem exigir a sua intervenção. A observação das nuvens de palavras criadas com as palavras frequentes dos comentários negativos (Yeatman Hotel: 1, Intercontinental Hotel: 2, Sheraton Hotel: 6), permite perceber que, no caso do Hotel Sheraton e Hotel Yeatman algo aconteceu relacionado com o conforto do quarto, ao passo que no Hotel Intercontinental os comentários negativos postados pelos hóspedes estão relacionados com o restaurante.

Extrapolando o exemplo apresentado (68 comentários em língua portuguesa) para um amplo universo de hotéis, entende-se que fica evidenciada a utilidade e a importância da análise qualitativa no setor empresarial e, mais especificamente, para o setor do turismo.

Entende-se ainda que este exemplo é passível de ser utilizado noutros setores de atividade empresarial, institucional, académica, social, etc., como por exemplo, na análise de relamações e sugestões de clientes, colaboradores ou utilizadores, na análise de comentários noutras plataformas, no facebook ou outras redes sociais.

Referências

Costa, A. P., & Amado, J. (2018). Content Analysis Supported by Software. Aveiro: Ludomédia. Retrieved from https://www.ludomedia.pt/en/prod_details.php?id=172&catId=13&offset=0

Costa, A. P., de Souza, F. N., Moreira, A., & de Souza, D. N. (2018). webQDA 2.0 Versus webQDA 3.0: A Comparative Study About Usability of Qualitative Data Analysis Software (pp. 229–240). https://doi.org/10.1007/978-3-319-58965-7_16

Costa, A. P., Linhares, R., & de Souza, F. N. (2014). Possibilidades de Análise Qualitativa no webQDA e colaboração entre pesquisadores em educação em comunicação. In R. Linhares, S. de L. Ferreira, & F. T. Borges (Eds.), Infoinclusão e as possibilidades de ensinar e aprender (pp. 205–215). Universidade Tiradentes, Aracaju – Brasil: Editora da Universidade Federal da Bahia.

Costa, A. P., Linhares, R., & Souza, F. N. de. (2012). Possibilidades de Análise Qualitativa no webQDA e colaboração entre pesquisadores em educação em comunicação. Educação e Comunicação, 276–286.

Costa, A. P., Moreira, A., & Souza, F. N. (2019). webQDA – Qualitative Data Analysis. Aveiro – Portugal: Aveiro University and MicroIO. Retrieved from www.webqda.net

Figueiredo, M. A. de. (2013). Será que os surfistas devem ser subsidiados? e se no futuro os nossos impostos pagarem um rendimento garantido a todos, igual para pobres ou ricos, preguiçosos ou viciados no trabalho? Alêtheia Editores.

Lucia, M., & Alves, B. (2011). Reflexões Sobre a Pesquisa Qualitativa Aplicada ao Turismo 1, 22(I), 599–613.

Produtos Relacionados

Partilhar
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Notícias Relacionadas

A Investigação Qualitativa tem beneficiado do enorme progresso em termos de métodos e técnicas com uso intensivo de tecnologia. As atuais exigências do contexto investigativo compelem cada vez mais os investigadores a apetrecharem-se de ferramentas digitais que proporcionem agilização e eficiência nos seus processos de investigação.
Um dos principais erros verificados em investigação é a falta de planeamento dos métodos adequados para a análise dos dados. Por exemplo, para se elaborar um instrumento de recolha de dados é necessário ter em atenção as ferramentas que se utilizará para obter os resultados (análise). Analisar dados qualitativos não é uma tarefa isenta de dificuldades, pois o corpus de dados não numérico e não-estruturado é, geralmente, difuso e complexo.
A Análise de Conteúdo é uma técnica de análise de dados, colhidos em várias fontes, mas expressos, preferencialmente, em textos ou em imagens. A natureza destes documentos pode ser muito variada, tal como material de arquivo, textos literários, relatórios, notícias, comentários avaliativos de determinada situação, diários e autobiografias, artigos selecionados através do método de revisão da literatura, transcrições de entrevistas, textos solicitados sobre um determinado tema, notas de campo, etc.